A organização Grampér, seguindo prática de algumas das melhores provas internacionais de ciclismo, vem anunciar uma importante inovação em seu regulamento. Os participantes poderão optar, durante a competição, por fazer o percurso médio ou o longo.

Numa busca contínua por proporcionar segurança e a melhor experiência possível ao atleta, a prova terá pontos de controle ao longo de todo o circuito. Assim, aqueles que estejam inscritos no percurso médio e desejarem fazer o longo, terão apenas que completar todo o trajeto, sem a necessidade de qualquer informação prévia aos organizadores. O mesmo raciocínio vale, evidentemente, para aqueles que estejam inscritos no percurso longo e optarem por fazer o curto. 

Todos terão seus tempos devidamente cronometrados e estarão aptos a concorrer ao pódio em suas categorias e a receber a medalha de participante.

Os organizadores decidiram também retirar um trecho do percurso longo que se repetia. O referido trecho obrigaria os atletas a passar duas vezes entre os trevos Ramon e Boa Nata (vide mapa abaixo). Assim, o percurso longo passa a ter 120 quilômetros de extensão e 1.700 metros de altimetria acumulada. Contudo, o trajeto principal do percurso longo continua o mesmo, qual seja: largada no Parque das Águas de São Lourenço, passagem por Pouso Alto, em seguida pelo município de Caxambu, e chegada novamente no Parque das Águas de São Lourenço. 

O percurso médio mantém-se inalterado. Os atletas do médio não vão até o município de Caxambu. Eles farão o retorno no alto da serra de Caxambu, voltando a São Lourenço.    

As mudanças aqui anunciadas visam a tornar a prova mais dinâmica e segura, após verificações técnicas realizadas no evento teste do dia 31 de março deste ano.

  •  

 

Inscreva-se no Grampér – Circuito das Águas! Um desafio inédito no ciclismo nacional. Faça a sua inscrição aqui!

Deixe uma resposta

1
Dúvidas e informações pelo WhatsApp
Powered by